Clube da Luluzinha

Meninas, há muito tempo eu não via uma concentração tão grande de homens interessantes. Homens, homens, sabem? Aquela coisa saudável, descontraída e o jeito atrevido de quem pratica esporte radical. E vieram em bandos de várias partes do mundo com seus sotaques deliciosos. Deu até vontade de aprender a voar também.

3 comentários:

Srta. Rosa disse...

E aterrisar jamais!

Bezzos, querida,

Mila Neri disse...

voar né anna,
não necessariamente para o céu ;***
hahahah

Paula Nigro disse...

Por que você não deu uma cantada em um deles? Tipo, "Para quê parapente? Se só de olhar para você, eu já vou para as alturas?"
Nossa! Que infame... O cara sairia literalmente voando para o caminho oposto!
Beijos